O Ano de 2021 Começa com o Aniversário da Loja Profeta Elias Nº 109 de Curitiba.

 

Em 1º de janeiro de 1994 a oriunda da Grande Loja Unida do Paraná, decide alterar seu nome, tornando-se

  • A. R. LOJA SIMBÓLICA PROFETA ELIAS.

A sua história tem inicio em 5 de abril de 1902, quando alguns irmãos que a dificuldade e a diversidade da língua Portuguesa haviam afastado das Lojas, reuniam-se no Templo da Loja Acácia Paranaense, para fundar a Loja Unione e Fratellanza e trabalhar na língua Italiana.

A história ainda é nebulosa, porém a fusão das Lojas Acácia Paranaense, Unione e Fratellanza e Giuseppe Garibaldi, veio a dar origem, no Grande Oriente, em 24 de maio de 1939, à criação da Loja Dario Vellozo, a qual se transferiu para Grande Loja do Paraná, recebendo em 13 de dezembro de 1946 a Carta Constitutiva e recebendo o Nº 6, das mãos do Grão Mestre Irmão Jorge Karan.

Com a intervenção na Loja Dario Vellozo em 1980, na noite de 20 de março de 1981, tres Lojas: Juca Paranhos de Rio Branco do Sul, Dario Vellozo de Curitiba e Pelicano de Paranaguá, fundaram a Grande Loja Unida do Paraná.

Porém, a 2 de dezembro de 1985, o Juiz de Direito da 18ª Vara Cívil de Curitiba, Dr. Edumar Pires, declara “Nulas” as Assembleias Extraordinárias realizadas e proíbe a utilização do nome e a numeração cardinal da Loja Dario Vellozo Nº 6 Independente, considerando-as patrimônio da Loja Dario Vellozo Nº 6 , filiada a Grande Loja do Paraná.

Assim, quando o Irmão Walfrido Carvalho Bueno Filho é Instalado como Venerável Mestre a Loja por “Unanimidade”, decide alterar o nome para “Profeta Elias”, permanece até 1997, quando é eleito em 24 de junho de 1997 o Irmão Otto Luiz Gantzel e após ser eleito é instalado como Venerável Mestre, porém já ao final do mesmo ano, a situação perante a Potência vai se deteriorando, e ao inicio de 1998 a Loja novamente por unanimidade, decide desmembrar-se da Grande Loja Unida do Paraná, pedindo abrigo na à Grande Loja do Paraná.

Em 19 de agosto de 1998, é regularizada e recebe a Carta Constitutiva Provisória e em 27 de agosto de 1999, recebe finalmente a Carta Constitutiva Permanente. Prova eloquente que na Maçonaria, nada é obra do acaso.

A partir de 1998 até a presente data, a Loja Profeta Elias Nº 109 que completa 27 Anos de fundação, tem vivenciado um período de paz e tranquilidade interna, como jamais tivera em toda sua história, graças às profícuas, eficientes e responsáveis gestões dos dirigente da Grande Loja do Paraná.

A Loja Profeta Elias Nº 109, tem como Venerável Mestre o Irmão Paulo Bayer Tuleski e conta no seu Quadro de Obreiros com 29 Irmãos, sendo 2 Aprendizes, 2 Companheiros, 11 Mestres e 14 Mestres Instalados.

A Grande Loja do Paraná, através do Sereníssimo Grão Mestre Irmão Marco Antônio Corrêa de Sá e do Eminente Deputado do Grão Mestre Irmão José de Faria, vem nesta oportunidade, “Parabenizar” aos Irmãos da Loja Profeta Elias Nº 109, por completarem 27 anos da sua fundação, na certeza que a busca pelo conhecimento, pela sabedoria, pela União e solidificação de uma Loja Maçônica, as vezes precisa-se trilhar por caminhos mais espinhosos para se chegar ao “porto seguro”.

Parabéns Irmãos da Loja Profeta Elias Nº 109 do Oriente de Curitiba.

Viva ! Viva ! Viva !

Deixe seu comentário